Trump se pronuncia após tiroteio: ‘Deus abençoe as vítimas’

22

15:52 h

Presidente dos Estados Unidos recorreu ao Twitter para fazer a sua primeira reação ao tiroteio que terminou com um balanço de 13 mortos

presidente dos Estados Unidos recorreu ao Twitter para fazer seu primeiro pronunciamento ao tiroteio que terminou com um balanço de 12 mortos, incluindo o atirador.

“Recebi todas as informações sobre o terrível tiroteio na Califórnia. Estão no local a polícia e os socorristas, juntamente com o FBI. Estão dadas como mortas, nesta altura, 12 pessoas. O atirador está também morto, assim como o primeiro agente da polícia a entrar no bar”, disse.

“Grande bravura mostrada pela polícia. A patrulha de trânsito da Califórnia chegou ao local em três minutos, o primeiro agente a entrar foi baleado inúmeras vezes. Esse assistente de delegado morreu no hospital. Deus abençoe todas as vítimas e as suas famílias. Obrigado às autoridades”, finalizou.

O crime

Um tiroteio em massa em um restaurante/bar da cidade de Thousand Oaks, na Califórnia, que fica a cerca de 40 quilômetros a oeste de Los Angeles, nos Estados Unidos, deixou ao menos 13 mortos. O incidente ocorreu nessa quarta-feira à noite, pouco depois das 23h locais (5h de quinta-feira em Brasília). No local, acontecia uma festa universitária, sendo a maior parte dos clientes estudantes.

A polícia esclarece que ainda é muito cedo para determinar se se trata de um ataque terrorista. O autor dos disparos, que também morreu, é um homem de 28 anos, militar e tinha pequenas passagens pela polícia.