Universidade abre processo seletivo para refugiados

12

13:54 h

Inscrições devem ser feitas entre 7 e 30 de janeiro do ano que vem; ao todo, são 23 vagas

Com inscrições previstas para 7 e 30 de janeiro de 2019, a Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM) oferta 23 vagas destinadas ao ingresso de refugiados em seus cursos de graduação. O processo é válido para o primeiro semestre letivo do ano que vem.

Para participar, o candidato deve comprovar a condição de refugiado por meio de atestado emitido pelo Comitê Nacional para os Refugiados (Conare). Além disso, é exigido o certificado de conclusão do ensino médio ou equivalente.

A classificação dos concorrentes será definida de acordo com as notas obtidas em uma das últimas cinco edições já finalizadas (2013-2017) do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Mais informações podem ser encontradas no edital do processo seletivo e na página da UFTM.