COVID-19: Viação Águia Branca demite centenas de motoristas no ES, MG, RJ, SP

O vídeo viralizou nas redes sociais 

Um vídeo que circula nas redes socais, funcionários da empresa Águia Branca gravaram vídeo, onde eles dizem que na manhã deste sábado (04) lamentavam que vários Pais de família perdiam seus empregos devido a redução total das linhas que a empresa tem em todo o País.

No vídeo eles ainda informam que neste sábado mais de cem funcionários que atuam no Espírito Santo, estavam sendo demitidos pela empresa, sendo que na informação também dizem que nos dias anteriores como quinta e sexta-feira, ouve mais demissões com aproximadamente os mesmos números que acontecia no sábado.

A motivação dos desempregos dentro da empresa, é devido aos cancelamentos das linhas intermunicipais e a redução de horários das municipais, que o Governo do Estado capixaba anunciou, além dos prefeitos ter proibido a entrada de ônibus rodoviários de outros estados, onde já tem o registro do coronavírus, com isso sem uma prévia de retorno, e como a empresa tem um quadro de funcionários bem notório, teve que demitir colaboradores em massa somente ficando com o quadro bem reduzido.

No vídeo os funcionários ainda lamentam, pois eles reprovam a atitude do Governo capixaba e de provocar uma demissão que podia se evitada, além de outras autoridades municipais cortarem a entrada de ônibus intermunicipais de outros Estados, nos Municípios.

Com essa demissão que acontece em todo o Estado do Esprito Santo, as demissões também aconteceram no Estado da Bahia, Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo, além de outros estados que a empresa atua. De acordo com um funcionário que trabalha em uma empresa terceirizada, e que atende como despachante de pista, relatou que, é triste ver uma cena desta que está acontecendo, infelizmente devido a essa pandemia que é Global, está provocando desemprego em massa como está acontecendo no Grupo.

No vídeo os autores cobram da autoridade governamental do Estado Capixaba uma solução. Assista na integra o vídeo gravado pelos ex-funcionários demitidos na manhã deste sábado (04).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *