Juncker diz que é “injusto” atacar a independência de bancos centrais

11:10 h

O presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, disse nesta quarta-feira que é “injusto” atacar a independência de bancos centrais durante pronunciamento no terceiro e último dia do fórum anual do Banco Central Europeu (BCE), em Sintra, Portugal.

A fala de Juncker veio um dia depois de o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, criticar o presidente do BCE, Mario Draghi, por ter sugerido hora antes que a instituição poderá voltar a cortar juros e comprar ativos se a perspectiva econômica da zona do euro não melhorar.

Segundo Trump, estímulos adicionais fazem com que seja “injustamente mais fácil” para a Europa competir com os EUA, diante da tendência de enfraquecimento do euro. Em resposta ontem mesmo a Trump, Draghi disse que o BCE “não mira a taxa de câmbio”. Com informações Estadão Conteúdo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *