Pastor pioneiro da Igreja Batista morre vítima de coronavírus

Ele estava na UTI desde o dia 29 de julho por complicações causadas pelo vírus

(O FUXICO GOSPEL) – Com o passar dos dias o pastor teve uma piora no seu quadro clínico, que afetou a sua pressão arterial e o funcionamento dos rins.

O pastor ministrava na 3ª Igreja Batista, localizada na avenida Calógeras, Centro. Ele é pai do também pastor e missionário indígena, Ricardo Poquiviqui. O pastor Pedro também fazia parte da Missão Indígena Uniedas e atualmente congregava no Ministério Koinonya.

Parentes, amigos, e a Convenção Batista lamentaram a morte do pastor, que era considerado um ícone da denominação.

O pastor Pedro Poquiviqui tinha 80 anos de idade. O velório e sepultamento do líder religioso acontecerá senguindo os protocolos estabelecidos pelo Ministério da Saúde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *