Fifa recorre na justiça contra a Globo sobre contrato da Copa do Mundo

A Globo conseguiu na Justiça do Rio de Janeiro a suspensão do pagamento pelo contrato pelos direitos de transmissão de torneios da Fifa, valido entre 2015 e 2022, por causa da pandemia. No entanto, a Fifa decidiu recorrer da decisão.

A informação foi confirmada pelo UOL Esporte, que afirmou que o documento da ação movida pela emissora contempla a exibição da Copa do Mundo de 2022, entre outros eventos. A empresa alega crise financeira em função do atual momento no país, por causa do surto da covid-19.

Segundo a publicação, o valor faz referência para a parcela anual do acordo, de US$ 90 milhões (R$ 493 milhões, no câmbio atual). O pagamento deveria ter sido feito até o último dia 30 de junho.

A Fifa chegou a tentar um efeito suspensivo para obrigar a Globo a cumprir o pagamento previsto em contrato. O pedido, porém, foi negado, e tudo agora será decidido pelo desembargador Plínio Pinto Coelho Filho.

Cabe lembrar que, há 9 anos, o canal carioca e Fifa assinaram um acordo de R$ 600 milhões. O pagamento seria feito em 9 parcelas. O montante milionário foi acordado para os direitos de transmissão dos eventos organizados pela federação internacional entre 2015 e 2022.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *