Médico é encontrado morto em sítio em Domingos Martins ES

11:27 h

O major Gláucio Benincá Coelho, que era médico da Polícia Militar, foi encontrado morto na manhã de ontem, em um sítio em Domingos Martins, região Serrana do Estado.

Gláucio Coelho, que atuava como ortopedista no Hospital da Polícia Militar (HPM) e estava na reserva remunerada, teria sofrido um infarto. Ele passava o final de semana em um sítio, na região de Biriricas, com a mulher e a família.

No entanto, a Polícia Civil irá investigar o caso porque foram encontradas marcas de arranhões no corpo de Gláucio. A família do major acionou a Polícia Militar.

Por meio de nota, a assessoria de imprensa da PM informou ao Tribuna Online que “na manhã de domingo (ontem) a Polícia Militar foi acionada para verificar o encontro de um corpo em um sítio na região de Biriricas, em Domingos Martins. No local, foi constatado que o corpo era do major da PM Gláucio Benincá Coelho, que estava na reserva remunerada e era também médico ortopedista.”

O texto não dá detalhes sobre a causa da morte. “A princípio, os indícios são de que o major tenha tido uma morte natural. De qualquer forma, o local foi isolado e a Polícia Civil foi acionada”.

O caso segue sob investigação da Polícia Civil, conforme informou a corporação. “A princípio, a causa da morte foi registrada como natural. Porém, a polícia aguarda o laudo do exame cadavérico para comprovar a causa da morte. O corpo foi encaminhado para o Departamento Médico Legal (DML), em Vitória.”

O caso foi atendido por peritos da 11ª Delegacia Regional, em Venda Nova do Imigrante.

A Associação dos Oficiais Militares Estaduais do Espírito Santo (Assomes/Clube dos Oficiais) e o Comando-Geral da PM estão acompanhando o caso.

As instituições lamentaram a morte do militar e destacaram que ele sempre foi um oficial-médico humanista e que procurava ajudar qualquer pessoa que necessitava de seus serviços no Hospital da Polícia Militar, independente de ser militar ou não.
A PM disse ainda que lamenta a perda e se compadece junto aos familiares nesse momento de dor. Policiais, amigos, parentes e autoridades prestaram solidariedade à família nas redes sociais.

O corpo de Gláucio será velado no Cemitério da Ponta da Fruta, em Vila Velha, e o sepultamento está previsto para acontecer hoje, às 10 horas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *