Transexual brasileira é encontrada morta em praia de Portugal

A jovem tinha relatado em uma live que tinha recebido ameaças

(NOTÍCIAS AO MINUTO) – Nesta segunda-feira (11), o corpo de Angelita Seixas Alves Correia, de 31 anos, foi encontrado na praia de Matosinhos, em Portugal. A transexual, natural de Goiânia, desapareceu no dia 2 de janeiro após relatar ameaças.

Segundo informações da polícia local, a jovem, que era professora de dança, disse ao marido que ia até a casa de uma amiga e no caminho decidiu fazer uma live, na qual disse que tinha sido ameaçada. Na ocasião ela pediu para uma sobrinha, que está no Brasil, para ligar ao marido dela dizendo que estava assustada. Angelita desapareceu após o ocorrido.

Na tarde desta segunda-feira (11), o corpo da professora foi encontrado por um surfista, que chamou a polícia. Os objetos pessoais da vítima não teriam sido levados.

Suzana Alves Alcântara, irmã de Angelita, disse que entrou em contato com a polícia em Portugal e com o Consulado e aguarda informações para tentar ir até o país, já que as fronteiras estão fechadas por conta da pandemia da Covid-19.

O Itamaraty ainda não se pronunciou sobre o caso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *