Webinar aborda potencial do Brasil para a atração de turistas chineses

Promovido pelo Ministério do Turismo e a Embratur, evento online reuniu representantes de agências de viagens e de secretarias estaduais de Turismo

O potencial da China como emissor de turistas para o Brasil e a capacitação de agências de viagens brasileiras para receber este público foram os assuntos de um webinar promovido nesta quinta-feira (15.04) pelo Ministério do Turismo e a Embratur. A primeira transmissão online do tipo reuniu autoridades e representantes das empresas credenciadas pelo MTur para recepcionar chineses, além de integrantes de secretarias estaduais de Turismo.

Representando o ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, o secretário executivo da Pasta, Daniel Nepomuceno, citou esforços pela abertura de novos mercados e manifestou otimismo. “Hoje vamos dar mais um passo para que possamos, com tudo o que temos a oferecer no Brasil, termos cada vez mais os nossos amigos chineses no Brasil”, declarou.

Já o embaixador da China no Brasil, Yang Wanming, defendeu o empenho pela facilitação do fluxo bilateral de viagens e apontou o poder do Brasil de cativar o interesse de chineses. “O Brasil tem paisagens naturais e uma riqueza cultural icônicas. Além disso, é um importante ponto de conexão para cruzeiros transoceânicos, capaz de despertar o interesse de chineses em conhecer o país. Temos plena confiança no futuro da nossa cooperação turística”, comentou.

O embaixador do Brasil em Pequim, Paulo Estivalllet, por sua vez, apontou a necessidade da crescente oferta de produtos turísticos adaptados a viajantes chineses. “Encorajo agências brasileiras a elaborar produtos realmente voltados ao mercado chinês. O potencial do mercado chinês é enorme, mas é importante também que saibamos desenvolver produtos turísticos que assegurem boas experiências de chineses no Brasil”, sustentou.

Já o diretor de Marketing, Inteligência e Comunicação da Embratur, Sílvio Nascimento, citou esforços pela aproximação turística com a China. Representando o presidente da agência, Carlos Brito, o diretor lembrou que a Embratur prepara a abertura de um escritório internacional naquele país. “A parceria comercial que faz a China ter importância única ao Brasil em diversos setores também precisa ser trabalhada para que avance no turismo”, completou Nascimento.

CREDENCIAMENTO – O credenciamento das agências brasileiras para receber chineses, que hoje soma 430 empresas habilitadas, é fruto de um Memorando de Entendimento firmado em 2004 entre os dois países, detalhado na transmissão desta quinta-feira pelo chefe substituto da Assessoria Especial de Relações Internacionais do MTur, Diego Feijó. Para participar, os interessados devem ter registro no Cadastur, o cadastro de pessoas físicas e jurídicas que atuam no setor turístico. Para mais informações clique AQUI.

EXPERIÊNCIAS – O webinar, cuja gravação em breve estará disponível no YouTube e no site do MTur, reuniu vários especialistas no mercado chinês, que abordaram aspectos fundamentais na recepção de viajantes daquele país. A lista de palestrantes contou com José Sanchez Rodriguez, diretor da consultoria Dragon Tail; a consultora de turismo Dani Tassy, a agente de viagens Lihong Zhao, o guia de turismo Maurício Polato e Beatriz Arnao, profissional das áreas de logística e de eventos.

Também presente, o secretário nacional de Desenvolvimento e Competitividade do Turismo do MTur, William França, lembrou que a China vai instalar um escritório regional em São Paulo e garantiu empenho pela atração de chineses. “Gostaria de enfatizar a importância que o MTur tem dado à China, juntamente com a Embratur. A China está na nossa lista de prioridades”, frisou.

William França destacou ainda o trabalho voltado à adesão ao Selo Turismo Responsável do MTur. O selo, que indica o cumprimento de medidas preventivas à Covid-19 em atividades turísticas, já foi adotado por quase 27,5 mil operadores de todo o país.

Em breve, o Webinar estará disponível no YouTube e no site do MTur.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *