Parques da Pedra Azul e do Forno Grande, no ES, comemoram 60 anos de criação

Em 2020, os parques estaduais da Pedra Azul, em Domingos Martins, e Forno Grande, em Castelo, estão completando 60 anos de criação. E para comemorar tantos anos de preservação e cuidado com a natureza, os três guardas florestais mais antigos dos parques, José Bellon, Carlos Alberto Canal e Alair Tedesco, contaram, em vídeo, um pouco da história ao longo do período em que trabalharam nas Unidades de Conservação (UCs).

Onça, caçadores, furto de plantas e tantos outros “causos” fazem parte da história dos parques. Criados em 1960 como Reservas Florestais, as UCs posteriormente foram transformadas em Parques Estaduais, sendo a Pedra Azul em 1991 e o Forno Grande em 1998.

Os guardas florestais Carlos Alberto Canal e José Bellon chegaram na então Reserva Florestal de Pedra Azul, em 1985. Eles e o já falecido guarda José Angelo Cesati, conhecidos respectivamente como Mandachuva, Guarda Belo e Catatau, cuidavam da área, que até então, estava degradada e era invadida por caçadores e colecionadores de plantas.

“Isso aqui era tudo pastagem, tudo desmatado. Mas, aos poucos, fomos plantando as mudas de árvores nativas e também a própria natureza deu um jeito de se recuperar”, disse Carlos Canal. “O que a gente vai deixar de bom aqui é a preservação da natureza. Temos que cuidar, porque se plantarmos árvores, teremos água! ”, destacou o guarda florestal.

José Bellon contou que, em 1990, começaram a aparecer pessoas com interesse de visitação, mas a Reserva só permite visitas com finalidade científica. Por isso, em 1991, a reserva virou Parque Estadual da Pedra Azul. “Temos orgulho de ter plantado tantas árvores, de ter sensibilizado tantas pessoas da importância de preservar a natureza”, ressaltou o guarda.

Já Alair Tedesco começou a atuar como guarda florestal no Forno Grande em 1986. Hoje, já aposentado, é quase um símbolo do Parque por tantos anos de trabalho prestados. “Na época procuraram alguém na comunidade que se interessasse em fiscalizar a região para ver se dava certo a criação do Parque”, disse Tedesco.

“Somos muito felizes. Dedicamos nossa vida para os parques, que hoje são um projeto realizado. Aqui somos meros passageiros, nascemos, crescemos, vivemos, mas não somos eternos e tudo o que plantamos e deixamos vai ficar para as futuras gerações”, afirmou o popular guarda Belo. E ele deixa um recado para todos: “Cuide da natureza porque é a melhor herança que vamos deixar para as novas gerações! ”

O gestor dos parques, Rodolfo Torezani, disse que os guardas são inspiração para quem trabalha e visita os locais. “Nós temos que valorizar muito o trabalho que eles e muitos outros que passaram por aqui já fizeram. São pessoas que contribuíram muito para as UCs, tanto na história quanto em dedicação. Esperamos dar continuidade a esse trabalho, de forma cada vez melhor, tentando manter viva a mensagem que eles deixaram sobre o quanto é importante preservar e conservar a natureza”, destacou Torezani.

Quer conhecer um pouco da história e saber curiosidades dos parques? Confira os depoimentos completos dos guardas em https://www.youtube.com/channel/UCVGvKdEXjS9psxj_raQ7cJg/ ou veja cada um deles abaixo:

Depoimento do guarda José Bellon:

Depoimento do guarda Alair Tedesco:

Depoimento do guarda Carlos Alberto Canal:

Veja como visitar os parques:

Parque do Forno Grande
Horário de funcionamento para visitação: das 8h às 11h e de 13h às 16h
Capacidade de visitantes por dia: 50 pessoas por turno
Agendamento para visitação: não é necessário. O controle é feito por ordem de chegada.
Agendamento para escalada: [email protected]
Endereço: Estrada rural s/n. Distrito Forno Grande, Castelo, Espírito Santo.

Parque de Pedra Azul
Horário de funcionamento para visitação: das 8h às 11h e de 13h às 16h
Capacidade de visitantes por dia: 50 pessoas por turno
Agendamento para visitação: [email protected]
Endereço: Rota do Lagarto, s/n, Km 03. Distrito Pedra Azul, Domingos Martins-ES. CEP:29278-000

Fique atento: Os dias de visitação podem variar de acordo com o Mapa de Gestão de Risco da Covid-19. Antes de visitar, confira no site do Iema o funcionamento dos parques: https://iema.es.gov.br/veja-como-fica-a-reabertura-em-cada-unidade-de-conservacao-gerenciada-pelo-iema

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *